quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Navegando em alto e bom som



Quarto disco de estúdio do septeto Constantina traz paisagens náuticas entre sonoridades e texturas. Foi lançado no final de 2011 pelo selo independente La Petite Chambre. O disco Haveno é o novo trabalho da banda instrumental Constantina. A banda, que tem público cativo na região sudeste, é conhecida pela sua música instrumental minimalista e elegante, que sempre apresenta interferências eletrônicas bem trabalhadas sobre guitarras e um som sem amarras em gêneros específicos.

O grupo mineiro, criado em 2003, não lançava um novo trabalho desde 2008. Neste período, passou por um reconfiguração: deixou de ser o quarteto do aplaudido Hola Amigos, tornando-se um septeto. A mudança permitiu a incorporação de um leque maior de cadências e possibilidades sonoras, o que se reflete na complexidade musical apresentada em Haveno. Com nome retirado da língua franca universal Esperanto, Haveno significa porto e traz à baila o universo náutico e suas intempéries, que vão da calmaria às tempestades. Remete ainda ao momento pelo qual o grupo passou, enfrentando algumas mudanças e reconfigurações para enfim aportar em local seguro. E claro, esperam que dali saiam para novos caminhos.

O disco, lançado oficialmente em shows na cidade de Belo Horizonte e Maceió, é composto de sete faixas, tendo em média seis minutos de duração cada uma. Seguindo a linha atual do mercado fonográfico, o septeto disponibilizou o disco virtual e gratuitamente para o público através do seu site. Na sua versão física, o disco apresenta ainda pequenas texturas que compõem as mudanças de faixas. Merece destaque também a preocupação do grupo com a linguagem visual. O projeto gráfico de Haveno, desenvolvido pelo designer Bruno Nunes – também músico e integrante da banda – se estende em diálogo intenso com o som produzido. A proposta de fazer essa conjugação das visualidade com a linguagem musical não é novidade para o Constantina, que sempre foi reconhecido por essa composição.

O Constantina – formado por André Veloso (teclados e sintetizadores), Bruno Nunes (guitarra), Daniel Nunes (bateria), Gustavo Gazzola (guitarra), Lucas Morais (trompete), Thiago Vieira (baixo) e Túlio Castanheira (vibrafone e percussão) – brinca que suas influências em Haveno vão do “pão de queijo” aos “caboclos de lança”. Isso porque transparece na concepção do disco sonoridades e ritmos regionais brasileiros, criando diálogos entre imagens, sons, ruídos e texturas. E que a mistura termine por fazer o sertão virar mar: é o que espera o Constantina.


Ficha técnica
Constantina - Haveno (2011)
Gravado pelo selo independente La Petite Chambre
Editado, mixado e masterizado por André Veloso e Daniel Nunes. Arte gráfica por Bruno Nunes.
Disponível para compra e download em http://www.constantina.art.br/

SIGA: @constantina_bh

#recomendo

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Euterpe: A Batida Brasileira


Euterpe, musa da música e da poesia lírica na mitologia grega e nome científico do Açaí, é também o nome da cantora e compositora roraimense que acaba de lançar seu álbum de estréia, o CD Batida Brasileira. Gravado entre fevereiro e abril de 2009 no estúdio APCE em Belém-PA, com arranjos do baixista paraense Adelbert Carneiro e percussão do Trio Manari, o CD contém em seu repertório composições da própria Euterpe, parcerias e músicas de compositores da região norte do Brasil. Premiado pela mais recente edição do Projeto Pixinguinha, Prêmio Produção 2008, o CD Batida Brasileira tem o patrocínio do Ministério da Cultura através da Funarte.

Natural de Boa Vista, RR, na fronteira do Brasil com a Guiana e a Venezuela, a cantora Euterpe brinda os ouvintes do seu primeiro CD com uma mistura natural dos ritmos presentes em sua região. Música indígena, afro-caribenha, samba de cacete, salsa, cúmbia, marabaixo, xote bragantino, naiambing, reggae e zouk, são alguns dos ingredientes ritmicos que dão a sua Batida Brasilera um sabor de mistura e originalidade. Os temas são dinâmicos e multiculturais.

A cantora e compositora pretende lançar em breve mais dois CDs com o mesmo título, compondo o que ela batizou de Trilogia Batida Brasileira. Com músicas de sua autoria, composições de parceiros e convidados, o objetivo da artista é mostrar a música popular brasileira que é produzida no norte do país. Batida Brasileira, o primeiro CD da Trilogia, recém-lançado, está sendo comercializado nacionalmente através da distribuidora Tratore.

Euterpe pretende dedicar o ano de 2011 para divulgar a sua Batida Brasileira. Selecionada para participar do projeto Amazônia das Artes, promovido pelo SESC, a artista inicia – a partir de abril deste ano - uma turnê pelas capitais da região norte e Amazônia Legal.


Na internet Euterpe pode ser acessada no myspace.com/euterpecantora
Twitter: @euterperr

Dica de hoje: GALGOS


De Porto Alegre/RS, o Galgos toca rock, e daqueles bons, de guitarras sem frescuras, sem rótulos, com refrões ganchudos e fraseados de guitarra que fariam Nicke Royale (Hellacopters / Imperial State Electric) sorrir orgulhoso. Talvez você pense que não é mais o momento para este tipo de banda surgir, que o lance todo do "rock escandinavo" já passou, mas ai é que a coisa fica interessante, é o não óbvio de volta ao menu.

Os já citados Hellacopters, (muito) Supersuckers, Turbonegro e, por que não, até um ZZ Top, se encontram numa briga entre acordes e solos onde quem sai ganhando é o ouvinte do bom rock n' roll selvagem. Letras em inglês, cantadas com a dose certa de melodia e esporro são a cobertura do bolo. Receita infalível.

Quatro faixas é muito pouco, eles merecem mais, e logo. Rock urgente, urgentíssimo.

Por: Wladimir Cruz, site zonapunk.com.br

Ouça e baixe os sons aqui: www.facebook.com/galgosofficial

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Badhoneys lança disco pela Transfusão Noise Records



Trio gaúcho ainda prepara shows na vizinha Argentina

Lançado em março de 2010, “Restart to Fail Again”, é o primeiro EP do power trio Badhoneys. Vinda de Porto Alegre, a banda é formada por Giana Cognato (Guitarra, Vocal e Letras), Rodrigo Souto (Baixo) e Stefano Fell (Bateria e Backing Vocal). Após um ano e meio, os gaúchos se fortalecem na cena rock independente e apresentam o segundo disco, “Harder”, que será lançado pela Transfusão Noise Records, o selo indie mais querido do momento.

Nesta trajetória, a Badhoneys conquistou belas vitórias. A banda foi aclamada pelo público no Festival Grito Rock 2011 de Sorocaba, o que rendeu uma participação no Programa Revista de Sábado, da TV TEM, filial da Rede Globo na cidade paulista. Em julho deste ano, o trio foi convidado para tocar no Festival GIG ROCK, produzido pelo músico Frank Jorge, importante ícone do rock gaúcho. O show aconteceu no Bar BECO, em Porto Alegre, e foi gravado e transmitido pelo Programa Radar da TVE, uma emissora local da TV Brasil.

O segundo disco vem após uma série de shows na Região Sul e em São Paulo que a banda fez este ano. “Harder” foi gravado no Studio LKR, um promissor estúdio de Porto Alegre e já conhecido pela Badhoneys e bandas locais. O trabalho é imprevisível e único. E vem ainda mais pesado e melancólico. São cinco músicas, todas escritas pela vocalista Giana Cognato. “As mixagens foram feitas com calma, por isso a demora em sair o EP. Todo esse processo durou em torno de seis meses, mas valeu a pena porque ficou muito bom. Estamos muito satisfeitos com o resultado” completa Rodrigo Souto, baixista da banda.

A Transfusão Noise Records foi o selo escolhido para lançar o segundo trabalho do trio. Para Lê Almeida, diretor da gravadora, as guitarras distorcidas da banda vêm em um momento certo para o mercado independente. “Eu chapei com a Badhoneys. Além do som ser ótimo, eu também me identifiquei com a fineza da Giana e do Stefano, pessoas de um coração muito bom. Espero um EP ainda melhor que o primeiro, pois 2011 está sendo um ano mágico para bandas de guitarras altas” explica o big boss, carinhosamente apelidado pelos três gaúchos.

E para dezembro, a banda prepara três shows de lançamento do disco “Harder”. O primeiro deles acontece no Garagem Hermética, no dia 01, uma tradicional casa rock de Porto Alegre. Para dividir a noite, o trio convidou a banda Single Parents, de São Paulo, e a gaúcha Loomer. Além disso, a Badhoneys prepara o lançamento de um single com duas músicas na Argentina através do selo Misil Discos e uma série de shows na terra dos hermanos.

Sobre a Badhoneys - A princípio quem não conhece a Badhoneys, acha que pode ser um novo chocolate meio amargo no mercado, ou até mesmo, um doce psicodélico de Amsterdam. Não é nada disso. Badhoneys é um power trio de Porto Alegre formado por Giana Cognato (Guitarra, Vocal e Letras), Rodrigo Souto (Baixo) e Stefano Fell (Bateria e Backing Vocal). Simples assim. O som da banda vai de Joy Division a Smashing Pumpkins, de The Cure a Cat Power. A Badhoneys é única e imprevisível, e ao mesmo tempo pesada e melancólica. Com uma guitarra distorcida, um baixo com efeitos, uma bateria pulsante e um vocal envolvente, a Badhoneys lançou o primeiro EP, “Restart to Fail Again”, em março de 2010. E agora prepara o segundo disco, “Harder”, que será lançado pela Transfusão Noise Records, o selo indie mais badalado do momento. A Badhoneys é true e nada mais. 

Foto: Divulgação – Crédito Camila Narduchi

SERVIÇO:
Show de lançamento do EP HARDER

- Bandas: Badhoneys, Single Parents e Loomer
Data: 1 dezembro, quinta-feira
Local: Garagem Hermética (Rua Barros Cassal, 386, PORTO ALEGRE)
Ingresso: R$ 10 com nome na lista (badhoneys@gmail.com) ou R$ 12 na hora
Horário: 23hs

- Bandas: Badhoneys, Single Parents e Medialunas
Data: 3 dezembro, sábado
Local: Centro Cultural Marcelo Breuning (Rua voluntários da Pátria, 214 - CAMPO BOM)
Ingresso: R$ 5
Horário: 20hs

- Bandas: Badhoneys e Single Parents
Data: 4 dezembro, domingo
Local: Bar MONO, Eldorado do Sul
Ingresso: R$ 5
Horário: 21hs

ASSESSORIA DE IMPRENSA
Samarina Comunicação
Jornalista responsável: Renata Brant
Contato: (21) 8115-0495
Email: brant.renata@gmail.com

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

QWF pra vocês!



Bom, quem ouviu a entrevista com a banda Quick White Fox aqui no blog já sabe da história das três japinhas e do cara estranho. Tá aí a foto pra comprovar!

Eu disse né!

E tenho que confessar que este quarteto curitibano não sai dos meus ouvidos! Até já inclui eles na minha playlist de faxina geral da casa! #ficadica pra você que é dona de casa viu .... Ahhh e não esquece de colocar a Badhoneys pra entrar no clima da faxina rock and roll!

Mas para quem ainda não ouviu a entrevista coma QWF, não dá mole porque o papo rolou solto! Confira no link http://migre.me/6bM2Q

SIGA: @qwfox

SUPER #recomendo

Dica de hoje: Baratas Albinas



Meados de 2001, dois amigos na aula de Biologia pensam arduamente como sera o nome da futura banda. E agora? Qual será? Na aula era falado sobre albinismo, de repente interrompidos por um "serzinho" que corre no fundo da sala, uma linda e feliz barata, hahaha, ai !!!, os menos lezados da sala começam a pensar, e perguntam a professora, "tetcha, existe Barata Albina ?".

Putz, a galera caiu na risada! Vendo que isso foi legal, os dois pensaram, que tal? E resolveram nomear o que hoje é essa banda famosa e reconhecida atá la na Padaria do José! hauhauhauahuahuah


Baratas Albinas hoje e sempre...

BAIXE AGORA: EP Baratas Albinas - Mamãe Quero ser um Rockstar (2011)

http://migre.me/6bLQG

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Fóssil - O Mocumentário Ao Vivo na Audio Rebel (2011)


No dia 12 de Junho de 2011 a banda cearense Fóssil foi ao Rio de Janeiro tocar no Festival Ponte Plural que acontecia na Audio Rebel, neste show a banda tocou apenas músicas do novo disco intitulado Mocumentário e acabou rolando registro de áudio da apresentação. Após escutar o show a banda ficou tão empolgada que resolveu lançar o material, sendo assim eles retornam no dia 20 de Novembro ao Rio para lançar o 1º registro ao vivo do grupo. O registro ficou tão bonito que a banda está fazendo 70 cópias diferenciadas. Como assim?! Cada disco ou cada cópia terá uma arte única e será vendido neste show do dia 20! Aqui vocês baixam em primeira mão este belo show e já esquenta pro lançamento...

Fonte: Blog Hominis Canidae

BAIXE AGORA MESMO SEU MANÉ!! NÃO DÁ MOLE HEIN!!

CONSUMA!

Se liga nessa japa girl!!




Faz tempo que eu conheço o som dessa japinha ai! Aliás sou fã do trabalho dela! Pra quem não conhece a Moxine, dá uma googlada e coloca Monica Agena, que tu vai descobrir quem é esta moça. Mas já vou adiantar pros curiosos de plantão: ela simplesmente desliza os dedos em uma guitarra! Saca só o video teaser da Moxine ensaiando com sua banda no estúdio. De dar água na boca, só de pensar que vem 11 músicas novas por aí!!

Vem com tudo japa!!

#adoro

SIGA: @Moxinemusic #recomendo

Corre lá e confira o site da moça!

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Dica de hoje: Banda Sinais Invertidos de um Mágico



Em meio a efervescente cena independente que vem dominando o Brasil nos últimos anos, influenciados pelos diversos estilos musicais que rondam sua cidade, surge em Belém o S.I.M (Sinais Invertidos de um Mágico), banda que tem suas raízes no pop mas que não deixa de passear, com tranqüilidade por outros estilos como o folk, o rock, o ska e até mesmo o blues e o reggae.

A banda que já experimentou algumas formações diferentes, hoje, estabilizada é formada por Ariel ‘Nog’ Andrade no Contrabaixo, Thiago Amaral e Sabá Netto nas guitarras e vocais, João Lessa na bateria, Caio Mendonça no Teclado, piano e órgão e Roberto Bino no Vocal principal. Figuras já tarimbadas na cena local e até mesmo a nível nacional trazem ao grupo a medida certa de experiência e energia em cima do palco que costumeiramente faz o público cantar e participar do início ao fim de cada show.



Através do seu experimentalismo, o SIM vem conquistando cada vez mais o público por onde passa. Em meio a tantos shows, a banda vem acumulando participações em grandes festivais e eventos como o Grito Rock Brasília 2011 e o Festival Megafônica 2011.

Completando um ano com a atual formação, lançam seu primeiro disco intitulado “Em Tarde de Céu Azul”, trabalho este lançado de maneira totalmente independente e que contém seis canções do grupo, que já são ouvidas em algumas rádios com grande aceitação da crítica especializada e do público. O álbum está totalmente disponível para download gratuito na internet, mas a banda não para e já prepara novas canções para o seu próximo trabalho.

SE LIGA: http://sim.tnb.art.br/

Ainda dá tempo...

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Novo disco do Cassim & Barbária



O disco novo do Cassim & Barbária está saindo pela Monstro Discos e é um estouro!


A banda acaba de voltar de Buenos Aires, onde fez dois shows lotados. Eles devem voltar para a capital portenha em breve.

O disco solo do Cassim Fagundes será lançado pela Midsummer Madness. Um equilíbrio perfeito entre experimentação e música pop. Ele já prepara outro com canções em Português, que será produzido por um ás do rock brasileiro. 

Por enquanto, dá pra escutar o Cavalo de Fogo aqui:


Cassim também acaba de gravar sua participação para a Popload Session do Lucio Ribeiro. O cover "Step On" (1971) é de John Kongos, sul africano que nessa música fez o primeiro sample da história da música pop. Cassim o homenageou gravando em cima de um loop de John Kongos cantando em cima desse primeiro sample!

Confira o vídeo!

#recomendo

Encontro de titãs


Olhai que máximo esta foto! O Eduardo vencedor da promoção "Quero ir no show da Drenna" foi além da conta!! Ele chamou a guitarrista e juntou uma galera massa na casa dele pra bebemorar a ocasião! Eu já fiquei sabendo que o show de Nikiti teve repertório novo e que foi FODA!! 

#confesso: estou devendo comparecer no show dessa moça.

Bom, Drenna, você sabe o que me deve também né?!! (risos bem altos)

Banda Stat-K faz show em Mesquita

domingo, 6 de novembro de 2011

Foi-se o Tempo (Clipe) - Georgeana Bonow



Clipe da música 'Foi-se o Tempo' com os alunos da cantora e professora de música Georgeana Bonow.


Ficha Técnica:
Intérprete: Georgeana Bonow
Composição: Gabriel Franco e Aruan Lotar
Violão Nylon: Flávio Mendes
Guitarra: Marcio Biaso
Baixo e Violão Aço: Rafael Garrafa
Bateria: Bicudo
Percussão: Mateus Xavier
Pianos e Teclados: Pedro Santos
Gravação: Pepê Canongia, Gui Tettamanti e Apoena Frota
Mixagem: Pepê Canongia
Produção Musical: Pepê Canongia e Rafael Garrafa
Arranjos: Rafael Garrafa e Pepê Canongia

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Eugene...


Há alguns posts atrás comentei que havia esbarrado com uma personalidade internacional em Ipanema. Pois bem, este cara é o Eugene Hutz, vocalista da banda Gogol Bordello. Pra quem não conhece, o grupo é uma mistura de musica cigana com rock, adicionado com vinho barato daquele que se encontra na última prateleira do mercado e um bando de gente louca. Resumindo: Gogol Bordello é FODA!! 

Tive a oportunidade de ver um show dos caras em 2008, no extinto (que saudades!) TIM Festival. Mas a minha admiração pelo cara não começou ai. Foi sim numa festa cigana que o Eugene era DJ. A festa em questão aconteceu umas três vezes no extinto Cine Lapa (que saudades! 2). 

De lá pra cá, Eugene virou o CARA. Até com a toda poderosa Madonna ele já tocou diversas vezes, e olha que a diva já declarou que é fã incondicional do trabalho da Gogol Bordello. Mas você deve estar se perguntando: o que um cara tão famoso assim estaria fazendo no Rio de Janeiro? Pasme, ele é casado com uma carioca e mora na Cidade Maravilhosa faz dois anos (humm bem que eu já esbarrei com ele em outras ocasiões por ai). Agora sim está explicado. E como boa tiete que sou, registrei o momento com o Eugene. Valeu Milton!

Ahhh.. só entre a gente: ele me adiantou que deve rolar um show do Gogol Bordello em março de 2012 no Circo Voador. Vamos aguardar!

Central de Abastecimento: CD Som do Norte 2011



Para comemorar os 27 meses do Blog Som do Norte, hoje foi lançado o CD Som do Norte 2011, reunindo 14 músicas gravadas do ano passado pra cá por artistas e bandas do Amapá, Amazonas, Pará, Roraima e Tocantins. Todas as faixas podem ser ouvidas no blog Música do Norte. Destaques para a faixa de abertura, "Futuro Bom", gravação da Jamrock que lançamos neste disco, e para o registro ao vivo de Luê em "Sei Lá", de Felipe Cordeiro. A faixa de Leonardo Coelho de Souza faz parte do CD Joá, que o pianista lança nos próximos dias.


CD SOM DO NORTE 2011
Coletânea – Lançamento comemorativo aos 27 meses do Som do Norte

1 – FUTURO BOM - Jamrock (RR) 2011
2 - NÃO SEI - SIM (Sinais Invertidos de um Mágico) (PA) 2011
3 - MAITÊ DANÇA - Leonardo Coelho de Souza (PA) 2011
4 - SEI LÁ - Luê Soares ao vivo (PA) 2011
5 - EU SOU CABOCLO – J. Mendonça (AM) 2010
6 - TECENDO O SOM - Alaídenegão (AM) 2011
7 – ANGELA DUST - Boddah Diciro (TO) 2011
8 - A FUGA - Superbad (PA) 2011
9 - TARDE DEMAIS - Banda Genezis (AP) 2011
10 - MEU PASTOR - Heloim (AP) 2010
11 - SERIAL KILLER - Banda Profetika (AP) 2010
12 - DIA DO TREINAMENTO - Amatribo (AP) 2010
13 - BLOODPATH - Marttyrium (AP) 2010
14 - RR - A Trip to Forget Someone (PA) 2011

Formato - MP3 - 128 kbps - 44 KHz
Duração - 51:45
Lançamento virtual - 3.11.11

MPB de Braços Abertos para o Rio



Erasmo Carlos, Vanessa da Mata e Orquestra Imperial, numa mesma noite, na Fundição Progresso


No sábado, 05 de novembro, a rádio MPB FM promove uma noite especial com três super shows na Fundição Progresso para celebrar o “Dia Nacional da Cultura”, comemorado no mesmo dia. O MPB de Braços Abertos para o Rio vai levar ao palco da maior casa de shows da Lapa o tremendão Erasmo Carlos, a cantora Vanessa da Mata e um dos shows/bailes mais concorridos e animados da cidade, o da Orquestra Imperial. Entre o primeiro e o segundo show, os artistas performáticos Aloísio de Abreu e Luis Salém farão uma versão reduzida do espetáculo Subversões no palco São Sebastião.

Abrindo a noite, o eterno “irmão camarada do rei”, Erasmo Carlos promete agitar o público com o show ‘Sexo & Rock’N’Roll’ que marca os 50 anos de estrada do Tremendão. No set list sucessos que passeiam por todas as fases da carreira de Erasmo, como “Sentado à Beira do Caminho” (Erasmo Carlos/Roberto Carlos), “Fama de Mau” (Erasmo Carlos/Roberto Carlos), “Mulher” (Erasmo Carlos/Narinha) e, claro, músicas do novo álbum homônimo. No palco, Erasmo está acompanhado pelo maestro José Lourenço (teclados), Dadi Carvalho (guitarra), Billy Brandão (guitarra solo) e com os novatos “Filhos de Judith” Pedro Loppez (baixo), Luiz Loppez (guitarra) e Alan Fontenele (bateria).

Logo depois, quem sobe ao palco da casa da Lapa é a cantora mato-grossense Vanessa da Mata com o show “Bicicletas, bolos e outras alegrias”, o quinto da carreira da artista. Canções como “O Tal Casal”, “As Palavras”, “Bolsa de Grife”, “Ai Ai Ai”, “Boa Sorte”, “Amado”, “Não Me Deixe Só” e muitas outras não ficarão de fora do repertório deste show especial. Vanessa será acompanhada pelos músicos: Gustavo Ruiz (guitarra), Donatinho (teclados), Stephane San Juan (bateria), Maurício Pacheco (guitarra) e Kassin (baixo).

E para finalizar a noite ao som do melhor da música brasileira, a orquestra mais popular da cidade: Orquestra Imperial. Quem já foi ao show conhece bem o suingue dessa mistura brasileiríssima: em um mesmo palco, representantes das mais diversas vertentes da nova música brasileira se reúnem e formam uma típica orquestra de gafieira. O resultado é um show com um repertório variado, boleros e temas dos anos 60, clássicos da cultura de salão com arranjos bem dançantes.


Sobre a MPB FM

Única rádio no Rio de Janeiro que toca, exclusivamente, música brasileira, a MPB FM está completando em 2011, 11 anos de história e, desde sua fundação, seu compromisso sempre foi levar ao ouvinte um conteúdo de qualidade. Atualmente, a rádio é o carro-chefe do grupo MPB Brasil cujo foco é produzir e promover conteúdo de música brasileira. Entre várias atividades, a rádio também realiza, desde a concepção até a execução final, shows na cidade do Rio e adjacências e até fora do país, como o dueto entre a banda Paralamas do Sucesso e Maria Gadú, no Central Park, em Nova Iorque. Produz e lança produtos, tendo em sua prateleira os CDs e DVDs Samba Social Clube, em sua quarta edição, e o recém-lançado Gil + 10, um show histórico de Gilberto Gil e 10 convidados da música brasileira. Através da abrangência da música brasileira, a MPB FM abre espaço para os novos talentos, com o Faro MPB e, enaltece os clássicos com o programa Palco MPB - um show ao vivo e exclusivo por semana com grandes nomes da nossa música. MPB É TUDO! Este é nosso conceito, nossa filosofia, que mostra a abrangência e diversidade da música brasileira. Sabemos que a música popular brasileira abriga todos os gêneros, cor, raça, ritmo, estilos, e diferentes sotaques. Por isso a rádio transmite, diariamente em sua programação, que ‘MPB É Tudo’, sem discriminação ou achismos.

SERVIÇO: MPB de Braços Abertos para o Rio: Vanessa da Mata, Erasmo Carlos e Orquestra Imperial

Data: 05 de novembro de 2011 (sábado)
Local: Fundição Progresso (Rua dos Arcos, 24 – Lapa - Rio de Janeiro)
Informações e venda de ingressos: www.fundicaoprogresso.com.br
Abertura da casa: 22h
Início do show: 23h
Capacidade: 4.000 pessoas
Tel para informações: (21) 2220-5070
E-mail: contato@fundicao.org
Classificação etária: 18 anos
Preços:
1º lote: R$ 50 l R$ 25 (meia*)
2º lote: R$ 60 l R$ 30 (meia*)
3º lote: R$ 70 l R$ 35 (meia*)
4º lote e na hora: R$ 80 l R$ 40 (meia*)

*Meia entrada para estudantes, idosos, menores de 21 anos, assinantes do jornal O Globo e quem trouxer 1Kg de alimento não perecível ou 1 livro
Pontos de Venda: Bilheterias da Fundição Progresso (21 2220-5070) – De segunda a sexta, das 12h às 20h e sábados (somente em dias de show) a partir das 12h; Call Center - (21) 3545-9205 - De segunda a sexta, das 8h às 21h; sábados, das 8h às 20h e domingos, das 10h às 16h; Lojas South – Barra Shopping, Botafogo Praia Shopping, Ilha Plaza, Iguaçu Top, Shopping Tijuca, Nova América e Shopping Iguatemi; Lojas Mania de Torcedor (Alcântara, Centro e Icaraí)

Formas de Pagamento: Dinheiro ou Cartões de Crédito (somente pelo site)
Acesso para pessoas portadoras de necessidades especiais e cadeirantes.
Estacionamento próximo: Catedral – acesso pela Avenida Paraguai sentido Zona Sul.

BUXIXO UP RECEBE ED MOTTA



Buxixo Up recebe: Moska, Leoni, Ed Motta e Pedro Mariano

Espaço anexo à Choperia Buxixo, na Tijuca, promove shows em comemoração aos 10 anos


Durante todas as terças de novembro (08, 15, 22 e 29), o Buxixo Up – espaço anexo à choperia Buxixo - localizado na Tijuca receberá um grande nome da música brasileira. Os shows são comemorativos aos dez anos da casa, completados recentemente. Abrindo a série de shows, na próxima terça, o cantor e compositor Ed Motta, no dia 15 quem sobe ao palco da casa de shows da Tijuca é o também cantor e compositor Leoni. Pedro Mariano é o convidado do dia 22 e encerrando esta série de shows, dia 29, o artista Moska. Após todos os shows, que serão em formato voz e violão, a banda pop Suricato dá continuidade à noite.

Ed Motta abre a série de shows com as canções de seu último trabalho, o álbum ‘Piquenique’. O cantor, compositor e produtor musica l é tijucano e suas músicas passeiam pelo funk, soul e jazz. Com grande diversidade de estilos e vários álbuns lançados no exterior, Ed Motta possui uma carreira respeitada dentro e fora do país. Sobrinho do síndico Tim Maia, Ed Motta fez um set list especial para este show. Além das canções do seu mais recente trabalho, o artista vai cantar os sucessos que o consagraram como "Manuel", "Vamos Dançar", "Fora da Lei", "Vendaval" e "Colombina".

Dia 15, o cantor e compositor Leoni, ex integrante da banda Kid Abelha, apresenta suas canções com levadas pop e letras que nos pegam na primeira escuta e permanecem para sempre. No repertório destacam-se algumas canções novas como “Dá Pra Rir e Dá Pra Chorar” e “É Proibido Sofrer” mas são os inúmeros hits de toda sua carreira e as musica s solicitadas pelos fãs através do site que fazem dessa apresentação um enorme sucesso. “Garotos II”, “Por que não eu?” e “Temporada das flores” estarão no set list.

Pedro Mariano é o convidado do dia 22 de novembro. O artista mostra toda sua variedade rítmica e temática e apresenta um show que passeia por vários momentos de sua carreira. “Três moedas”, “Simplesmente”, “Estrela de papel” e “Procura” são algumas das canções que estarão no repertório. No auge de sua forma vocal, produtor e baterista de várias músicas, Pedro Mariano faz um show à moda antiga (pela variedade de gêneros e pela formação), e atualíssimo (pela sonoridade e pelo sentimento que passa). No formato power trio, Pedro se apresenta interpretando e tocando bateria em diversas músicas. O violonista Conrado Goys e o baixista Leandro Matsumoto acompanham o artista.

E para encerrar esta série de shows, o cantor e compositor Moska mostra as canções do álbum ‘Muito Pouco’. No repertório, além das novas canções “Deve ser o amor”, “Semicoisas”, “Soneto do teu corpo”, “Sinto Encanto”, “Muito Pouco” e passeia pelos sucessos de sua carreira como “A Seta e o Alvo”, “Lágrimas de Diamantes”, “Pensando em Você” e “Tudo novo de novo”.

Após todos os shows, a banda Suricato mostra seu repertório autoral e pop. O trio, formado pelos amigos Rodrigo Nogueira (voz/guitarra), Diogo Gameiro (bateria) e Mário Vargas (baixo) vai contar com as participações de Leoni e Moska após os shows dos artistas nas suas respectivas apresentações.


Serviço: Shows Buxixo Up
Data: 08, 15, 22 e 29 de novembro de 2011 (terça-feira)
Local: Buxixo Up – anexo à choperia Buxixo – Av. Maracanã, 760 - Tijuca
Abertura da Casa: 20h
Início do show: 21h30
Couvert Artístico:
Pista - R$ 25 (antecipado) l R$ 30
Mesa - R$ 50 (antecipado) l R$ 60
Classificação: 18 anos
Capacidade: 400 pessoas
Mais informações: www.buxixochoperia.com.br l (21) 2264-8484

Evento gratuito reúne artistas na orla carioca



"Dia da Rua" reúne artistas da nova geração da MPB carioca em shows gratuitos na Orla

Terceira edição acontecerá domingo, dia 6 de novembro

No domingo, dia 6 de novembro, a orla de Ipanema, Leblon e Arpoador será palco de 10 shows gratuitos com bandas e artistas cariocas que atuam ativamente no cenário musica l independente. Em sua terceira edição, o “Dia da Rua”, idealizado por QINHO (cantor e compositor) e Freddy Ribeiro (ator e poeta), ganha ‘ares’ de festival e reúne uma nova geração de artistas com vontade de intervir positiva e culturalmente no espaço público da cidade.

Dez atrações vão se apresentar a partir de pequenas estruturas de som montadas sobre o asfalto das avenidas Vieira Souto e Delfim Moreira das 16h às 19h, em pontos distintos: as bandas “Os Outros”, “Tono”, “Letuce”, “Do Amor”, “Bondesom”, “Fino Coletivo”, “Mohandas” os cantores e compositores Matheus von Krüger e QINHO e algumas atrações surpresas. O último show acontecerá na praia do Arpoador, local onde nasceu o tradicional Circo Voador. Com o propósito de provar que a rua ainda é um dos principais lugares para o entretenimento, encontro, reflexão, aprendizado e, principalmente, para a propagação da arte e da cultura, o “Dia da Rua” apóia e ratifica a noção de que o espaço público é um bem coletivo.

O “Dia da Rua” é um festival de música produzido pelos próprios artistas do seu 'line up', os quais, em sua maioria, foram responsáveis pela produção, organização e viabilização das duas primeiras edições, em 2008 e 2009. Ao todo, 30 bandas já participaram do festival, que inicialmente acontecia nas ruas Ataulfo de Paiva e Visconde de Pirajá.

Nesta terceira edição, o “Dia da Rua” conta com a parceria cultural da Oi, através de seu portal musica l na internet “Oi Novo Som”, e da marca Farm.

Programação “Dia da Rua”:

QINHO: Cantor e compositor carioca, que une a música popular brasileira e a blackmusic em canções autorais. Idealizador de eventos como “Dia da Rua” e “Blé QINHO” – projeto onde se apresentou ao lado Jards Macalé, Luiz Melodia, Fernanda Abreu, Mart’nália, Hyldon e Rogê. QINHO foi vocalista da banda VulgoQinho&OsCara e lançou em 2008 seu primeiro disco solo intitulado “Canduras”. Atualmente finaliza o segundo álbum com previsão de lançamento para o verão 2011/12. Participou de festivais como SWU (2010) e Back2Black (2011) e se apresentará no Festival Faro MPB, no StudioRJ.

Os Outros: Banda de rock com canções e arranjos autorais. Em 2010, lançou o segundo álbum de sua carreira “Pacote Felicidade” pelo selo Bolacha Discos. Já tocaram em diversos festivais - como Rec Beat, em Recife, Humaitá pra Peixe, no Rio, e o Festival de Música Livre, em Vitória – além de ter participado de programas como Jô Soares e Altas Horas. Rock com uma lâmpada acesa na cabeça.

Tono: Grupo carioca formado pelos músicos Rafael Rocha, Bem Gil, Bruno di Lullo e Ana Claudia Lomelino. O repertório é uma mistura de material inédito autoral e de uma pesquisa no cancioneiro brasileiro e mundial do século XX. O grupo está em eterna metamorfose. Lançaram o independente "Tonoauge" em 2009 e "Tono" em 2010 pelo selo Oi Música.

Letuce: O duo formado por Leticia e Lucas é muito bem sucedido. Letícia é atriz e rockeira-bluseira-bacante. Lucas é guitarrista, maestro e investigador inquieto. Os dois, namorados, se somam a comparsas de altíssimo nível para um desfile de canções-jóias diversas, de quem saca além da tropicália, transa Dalva de Oliveira e Courtney Love. Com shows dedicados à música de churrascaria, a dupla cria um universo particular e delirante em canções autorais e releituras.

Do Amor: Banda de Marcelo Callado, Ricardo Dias Gomes, Gustavo Benjão e Gabriel Bubu. O repertório vai de Yoko Ono a Pedro Santos, combinando carimbó, dub, guitarra paraense, samba-rock e até axé-music, a banda faz um som autêntico e cheio de suingue. Dias Gomes e Callado formam a banda Cê, de Caetano Veloso , e Bubu e Benjão tocam com Nina Becker e Rubinho Jacobina.

Bondesom: O grupo instrumental tem como atributo a mistura de gêneros. Afro-latinos, jazz, funk, e a música brasileira se unem nas composições da banda. É sofisticado, mas é pop. Surpreende pelos temas marcantes e pela vitalidade dos músicos no palco. Suas melodias contagiam as pessoas. Sua diversidade rítmica convida para dançar e instiga os ouvidos mais atentos.

Fino Coletivo: Passados anos desde o lançamento do primeiro disco, a banda carioca volta com um trabalho que comprova que, passados alguns sustos, as mudanças vividas ao longo deste período não afetaram o rendimento do (hoje) sexteto. “Copacabana” é um disco pra tocar na festinha, na festona, no rádio, no mp3 player e deixar o clima temperado. Depois de anos rodando o país com esta formação, não resta muito o que dizer sobre o entrosamento da banda e sobre a consciência que eles têm do que fazem musica lmente.

Matheus von Krüger: Violonista, cantor, compositor e produtor musica l. Com influência da nata criativa da MPB, teve seu primeiro disco, “Outros Tempos” produzido pelo maestro Muri Costa, com participações de Danilo Caymmi, Jaques Morelenbaum, Vittor Santos, Chico Amaral, Dunga e Marcelo Costa. Um time de primeira para endossar um repertório 100 % autoral, brasileiro, abrangente e sem rótulos. Em 2010 lançou "MVK", produzido por Ale Siqueira e Rafael Gryner.

Cronograma

16h – entre as ruas Jerônimo Monteiro e Rita Ludolf (LETUCE)
16h15 – entre as ruas Gen. Artigas e Gen. Venâncio Flores (OS OUTROS)
16h30 – entre as ruas João Lira e José Linhares (BONDESOM)
16h45 – entre as ruas Carlos Góis e Alm. Guilhem (MATHEUS VON KRUEGER)
17h – entre as ruas Henrique Dumont e Aníbal de Mendonça (TONO)
17h10 – entre as ruas Aníbal de Mendonça e Garcia D’Ávila (DO AMOR)
17h20 – entre as ruas Maria Quitéria e Joana Angélica (MOHANDAS)
17h30 – entre as ruas Vinícius de Morais e Farme de Amoedo (FINO COLETIVO)
17h40 – entre as ruas Joaquim Nabuco e Francisco Otaviano (CHICAS)
18h – Parque Garota de Ipanema, Arpoador (QINHO)

Serviço: 3ª edição do “Dia da Rua”
Data: 06 de novembro de 2011 (domingo)
Início dos Shows: 16h
Local: Orla – Leblon ao Arpoador
Entrada Gratuita

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Quick White Fox: três japinhas e um elemento estranho


Hey seus lindus!!

Hoje o blog está repleto de coisinhas fofas!! E isso vale pras três japinhas, Debs, Mel e Naomi, da banda Quick White Fox. Pra deleite de vocês, o papo foi completamente divertido!! Falamos do novo projeto das meninas, do cara que é o elemento estranho (ouça e descubra), da cena de Curitiba, da faculdade de rock, até uma aula de marketing rolou no meio dessa conversa.


Portanto, meu querido, solta o play e divirta-se!!


SIGA: @qwfox #recomendo

RESULTADO DA PROMOÇÃO QUERO IR NO SHOW DA DRENNA!


PARABÉNS!!


Eduardo Avelino você foi o vencedor da promoção QUERO IR NO SHOW DA DRENNA!


Você ganhou 1 par de ingressos, um disco autografado e fotos no camarim com a cantora!

RESULTADO DA PROMOÇÃO BADHONEYS NAVEIA!


PARABÉNS!!


- Alex de Lima Carvalho de Barbacena MG
- Angélica Alves Soares de Fortaleza CE
- Deleon Alcântara de Araújo do Rio de Janeiro RJ


Vocês ganharam um EP + 1 single + 1 botton!!

Shadowside confirma show no Rio de Janeiro



Banda é reconhecida como um dos principais expoentes da nova safra do Metal atual

Os fãs pediram e eles estão de volta ao Rio de Janeiro! Após show de abertura para o Iron Maiden em março deste ano, a banda Shadowside, uma das principais potencias da música brasileira no exterior, confirmou retorno à Cidade Maravilhosa.

O grupo formado por Dani Nolden (vocal), Raphael Mattos (guitarrista), Ricardo Piccoli (baixo) e Fabio Buitvidas (bateria) se apresenta no próximo dia 12 de novembro, no Calabouço Bar. Os ingressos custam R$ 20,00 e já estão à venda no próprio local do evento.

Neste momento, o quarteto está dando os primeiros passos na turnê de divulgação do novo álbum "Inner Monster Out" que, segundo a imprensa especializada, é um dos melhores lançamentos deste ano.

"Inner Monster Out" foi gravado, mixado e masterizado por Fredrik Nordström, um dos principais produtores de Heavy Metal da atualidade, no Fredman Studio, em Gotemburgo, Suécia. O CD tem a participação especial dos vocalistas Mikael Stanne (Dark Tranquillity), Björn "Speed" Strid (Soilwork) e Niklas Isfeldt (Dream Evil). A versão nacional traz a releitura de Inútil, clássico dos anos 80, com Roger Moreira, líder do Ultraje a Rigor!, dividindo os vocais com a frontwoman Dani Nolden.

O videoclipe para a música “Angel with Horns”, primeiro single do CD, já superou a marca de 102 mil views no Youtube. Confira o video e o novo número de acessos em http://www.youtube.com/watch?v=bmpib_jyo20.

Vale a pena lembrar que esta não é a primeira passagem da Shadowside pelo Rio de Janeiro. Em 2006, a banda foi responsável pela abertura do show do Helloween e, este ano, foram convidados para esquentar os fãs do Iron Maiden, no HSBC Arena.

Os produtores interessados em contratar o espetáculo que já passou por mais de 20 países da Europa, cinco turnês pelos EUA e diversas cidades do Brasil, devem entrar em contato através do e-mail contato@furiamusic.com.br.

Serviço Shadowside - Rio de Janeiro
Local: Calabouço Bar
Endereço: Rua Felipe Camarão, 130, Vila Isabel - Rio de Janeiro
Hora: 21h
Ingresso: R$ 20,00
Website: http://www.calabouco-bar.com.br

Banda Soul Brother lança disco



SHOW DE LANÇAMENTO DO PRIMEIRO CD DA BANDA SOUL BROTHER

A festa vai rolar dia 5 de novembro no espaço Touareg regada com muita música e vibe positiva


A banda Soul Brother realizará um evento em grande estilo, para comemorar o lançamento do seu primeiro CD “Raio de Sol”. O show será realizado, no primeiro final de semana de novembro, sábado (5), no espaço Touareg, em Vargem Grande, um espaço cercado de praias e montanhas.

“Nossos shows parecem verdadeiros luaus. E é essa atmosfera que nos propomos a levar para os palcos e para nosso público”, diz o vocalista Guga.

A Banda lançará seu CD com músicas inéditas e versões estilizadas de seus inspiradores, o álbum contará com 14 músicas, sendo 10 autorais. Entre os hits: “Praia da Macumba”, “Vagabundo Confesso” e outros sons que já fazem parte do imaginário de seus fãs e que levam sua marca registrada: a vibração positiva. Não ficam de fora composições de artistas que ajudaram a mistura Soul Brother se formar.

Formada pelos amigos, Guga (Vocal e Cajon), Alan (Voz, gaita e violão), Fábio Cabeça (Guitarra), Cristian (Baixo) e Anton (Bateria e Percussão), a banda leva muito a sério seus inspiradores e inspirações.

Além do lançamento do CD a festa marcará a reabertura do espaço Touareg. O evento será embalada ao som dos djs, Lencinho (Circo Voador) e Rodney Ambassodors (The Groov), que irão divertir a galera antes e depois do show do Soul Brother, que com certeza divertirá a todos e trará muita energia positiva.

SERVIÇOS: Espaço Touareg, Estrada dos Bandeirantes, nº28259 – Vargem Grande – Fone: (21) 2428-6421 - Valor da entrada R$ 25,00 – Preço único.

sábado, 29 de outubro de 2011

Show de aniversário do Bleffe



Dia 11/11/11 à partir das 11h11m da noite.

Cabalístico, não? Talvez…

O que importa mesmo é que nesse dia vai rolar o show de aniversário do Bleffe!

É isso, galera…lá se vão 9 anos lutando, remando contra a maré, mas tendo sempre o apoio, o carinho de vocês, que contribuíram pra que chegássemos tão longe.

O show rola no Mofo Bar, na Lapa(RJ). O Mofo fica na Avenida Mem de Sá, 94, perto do Arcos…

E esse show vai ser muito muito especial. Nós vamos multiplicar a noite com o parceiraço Christiano Dortas, que já subiu no palco com a gente em Ubá-MG.

EVENTO: BLEFFE + CHRISTIANO DORTAS

Local: Mofo Bar - Avenida Men de Sá 94 - Lapa - RJ
Horário: 21h
Lista amiga: R$ 18 (envie nome completo para contato@bleffe.com.br)

INI e Tape Rec na 2ª edição do Microfonia É Noise



Microfonia É Noise
INI e Tape Rec na segunda edição do Microfonia É Noise

A banda INI, de Sorocaba - SP está em uma grande turnê pelo Brasil comemorando o relançamento, pela Senhor F Discos, do álbum "A Caixa do Macaco" (um dos 5 melhores nacionais da década, pela Revista Cult).

Passando por vários estados como Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Minas Gerais, a INI chega ao Rio de Janeiro no dia 04 de novembro. Recebendo a turma, a Tape Rec, banda da Transfusão Noise Records capitaneada por Lê Almeida apresenta suas novíssimas composições.

A segunda edição do Microfonia é Noise acontece na Audio Rebel, em Botafogo, Rio de Janeiro, após ter recebido as bandas Loomer e Lê Almeida na primeira edição do evento.

Saiba mais sobre as bandas da segunda edição do Microfonia é Noise:

INI
Relançando pela Senhor F Discos o álbum "A Caixa do Macaco", a INI está em turnê de relançamento pelo Brasil, registrando tudo em vídeo e produzindo um documentário a ser lançado em 2012, além dos pequenos vídeos-teasers quase diários como relato da tour. Confira a agenda atualizada da banda.

Tape Rec
Formada no fim de 2003 por Lê Almeida, Edimo P. e Evandro Fernandez, a Tape Rec se faz presente a uma fusão garageira com guitarras jovens e vanguardistas, caindo às vezes para o lado punk setentista e as vezes para o lado experimental noventista com queda nos clássicos roquinhos anos 60. A banda acaba de lançar o single "Yo Frat" e prepara nos quintais da Transfusão Noise Records seu novo EP.

O evento é produzido pela Ponte Plural e promovido pela Rádio Microfonia, que vem apoiando e divulgando o que acontece de melhor no cenário independente brasileiro, e conta com o apoio do Rasgada Coletiva e da Transfusão Noise Records!

Serviço
Microfonia é Noise
Bandas:
Tape Rec (Rio de Janeiro) - http://taperec.bandcamp.com/  
Quando: 04/11 - Sexta-feira
Horário: 18hs (abertura da casa). Os shows começam às 19hs!
Entrada: R$ 10,00
Locau: Audio Rebel
Endereço: Rua Visconde de Silva, 55 - Botafogo - RJ

Produção:

Apoio:
Transfusão Noise Records

Rasgada Coletiva

Circuito Fora do Eixo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...